Adução Paradoxal das Pregas Vocais: Dificuldades no Diagnóstico

Ana Isabel Sequeira, Bruno Corte, Cecília Pereira, Francisco Pereira, Beatriz Sousa

Resumo


A adução paradoxal das pregas vocais (APPV) caracteriza-se por encerramento das pregas vocais durante a inspiração. A subsequente obstrução ao fluxo de ar manifesta-se por dispneia, estridor e disfonia, simulando sintomatologia asmática.

Os autores apresentam o caso de uma adolescente de 13 anos admitida recorrentemente ao longo de um ano na urgência por dificuldade respiratória e estridor, após exposição a desodorizante em aerossol. Perante a refratariedade das crises à terapêutica anti-asmática instituída bem como a reversão destas com adrenalina nebulizada, foi colocada como hipótese de diagnóstico uma APPV, confirmada por nasofibrolaringoscopia com prova de provocação. Realizou treino vocal em terapia da fala com evolução favorável.

O presente relato ilustra as dificuldades no diagnóstico da APPV. A recorrência das crises apesar dos tratamentos instituídos motivou a revisão do diagnóstico. Apesar de pouco frequente, devemos estar alerta para a possibilidade da ocorrência desta patologia.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


 

Licença Creative Commons Desde 2011, todo o conteúdo (excepto onde indicado) está licenciado sob uma Licença Creative Commons 3.0.